Este site usa cookies.
Os cookies usados no website não armazenam nenhum dado pessoal.
Ao continuar a navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.

Aceitar & continuar a navegar
Cortes de Cima Cabernet Sauvignon

Uma das variedades nobres de Bordéus. Amadurece tarde e é própria para climas quentes, como o do Alentejo, onde consegue alcançar uma boa maturação, resultando em vinhos de concentração e cor intensas, taninos fortes e complexidade aromática

Vindima 2013

Um Inverno seco, seguido por uma Primavera fria e chuvosa. O Verão foi moderado, aquecendo em Agosto. A época da apanha foi retardada, com uma tardia floração e maturação, e uma grande colheita. Acidez elevada e taninos maduros.

Vinificação

As uvas que deram origem a este vinho crescem nas nossas vinhas, onde seguimos um programa de viticultura sustentada. As uvas foram colhidas num estado óptimo de maturação; é sempre a última casta a ser vindimada na herdade. Foram fermentadas sem engaço, a temperaturas controladas, com regulares delestage e um alargado período de maceração das películas para melhorar o aroma a frutos, conseguir um bom equilíbrio e estrutura de taninos. Envelhecido durante 12 meses em barricas de carvalho francês até altura do engarrafamento em Abril de 2015.  

Notas de Prova

Apresenta o característico aroma a pimento verde, especiarias e notas de grafite. No palato é sólido, com boa estrutura e notas de frutas doces que terminam num final seco.

Designação: Vinho Regional Alentejano
Casta: 100% Cabernet Sauvignon
Viticultura Sustentável: Protecção Integrada

Ácidos Totais: 6.1
pH Final: 3.55
Açúcares Totais: 1.0
Álcool: 14%
Estágio em Barricas: 12 meses em Carvalho Francês (100%)
Colheita, produção e engarrafamento na propriedade familiar.

Disponível em garrafas de 75cl

Prémios

Medalha de Ouro - Mundus Vini 2016
Medalha de Prata - Concours Mondial Bruxelles 2016
Medalha de Prata - Vinalies Internationales 2016

Classificações

90 - Wine Enthusiast
89 - Robert Parker 
16/5 - Revista de Vinhos - dez/2016

Reviews

"O pimentão verde salta de imediato e domina o aroma com algumas notas de apara de lápis e fruto de groselha e mirtilo. Muito musculado na prova de boca, todo em madureza e doçura de fruto apoiado por taninos redondos e gulosos. Final cheio." - 16,5 pontos - João Afonso, Revista de Vinhos

"With just the right black currant character, this is a rich, structured wine. It has weight and richness of course, but it is the solid tannins and tight texture that distinguish it." - Roger Voss, Wine Enthusiast

For a first release, this is often impressive, beautifully balanced, focused and nicely structured. The fine texture and pop on the finish give it a bit of distinction. It feels full in the mouth on first taste… It's nonetheless a promising debut that is beautifully crafted.” -  DRINK 2016 – 2027 - Mark Squires, Robert Parker

Arquivo Notas de Vindima (PDFs vindima actual e anteriores)